Como contestar um Pix? Qual a solução?

É possível contestar um Pix: 

  • Utilizando o MED
  • É possível em caso de golpe
  • Deve respeitar os critérios 

O Pix é uma das ferramentas de transferência de dinheiro mais seguras atualmente, pois em casos de golpes e fraudes é possível fazer a contestação e ter o valor de volta. Esse recurso desenvolvido pelo Banco Central chama-se Mecanismo Especial de Devolução (MED).

Logo, é possível recuperar um Pix através desse mecanismo. Caso o usuário seja enganado durante o envio da transferência, ele poderá fazer a solicitação da devolução para a sua instituição financeira e ter o dinheiro de volta do período de até 80 dias da data que o Pix foi realizado. 

Posso contestar um Pix após enviar por engano? 

Posso contestar um Pix após enviar por engano?

Se você já se perguntou “recebi um Pix por engano, não devolver é crime?”, saiba que a resposta é sim. Pois o pagador realizou a transferência por engano, pois esse pode ser um erro do Pix comum em pessoas com poucas habilidades com aplicativos de bancos.

Entretanto, se você foi a pessoa que enviou o Pix por engano, saiba que não é possível contestar pelo MED, pois não se aplica nos requisitos de golpes, fraudes ou crimes. Logo, o que é possível fazer é entrar em contato com o destinatário do Pix através da chave Pix e solicitar que devolva o dinheiro.

FEZ OU RECEBEU UM PIX ERRADO? VEJA COMO REVERTER O PIX [Tem Jeito]

Me arrependi de uma compra, posso contestar o Pix? 

Me arrependi de uma compra, posso contestar o Pix?

Se você está se perguntando como funciona o cancelamento de uma compra pela internet. Saiba que não é possível contestar o Pix do pagamento, assim como nos casos de envio para a pessoa errada. Mas existem outras alternativas. 

Entre elas, está a opção de entrar em contato com a loja e solicitar a garantia, caso o produto tenha algum defeito. Além disso, em compras online o cliente pode solicitar a devolução Pix em até 7 dias após o recebimento, sendo a loja responsável pela devolução, não o MED.

Como evitar os golpes do Pix

Como evitar os golpes do Pix

Desde o lançamento do Pix, diversos usuários já relataram terem caído em golpes, como o caso de fraudes automatizadas, golpe da mão de fada e comprovante de pagamento falso, por exemplo. Por isso, a Polícia Civil alerta a população sobre golpes do Pix. Confira 3 dicas de segurança para evitar golpes do Pix: 

CUIDADO com os 6 principais GOLPES envolvendo PIX, saiba como se PROTEGER

Baixe aplicativos de lojas oficiais

Não acesse links suspeitos ou baixe aplicativos em seu smartphone apenas de lojas de apps oficiais como App Store e Play Store que oferecem programas confiáveis, por exemplo. Além disso, realize Pix apenas em canais oficiais da instituição. 

Confira os dados do destinatário

Antes de finalizar o envio do Pix, confira sempre se os dados da chave Pix correspondem com o nome do destinatário ou empresa. Pois, golpistas podem se passar por pessoas que você conhece e solicitar um Pix.

Não compartilhe senhas pessoais

Senhas e informações pessoais como os dados de seus documentos não devem ser compartilhados com outras pessoas. Pois, indivíduos mal-intencionados podem acessar a sua conta bancária e realizar transações. 

O Pix é realmente seguro? 

O Pix é realmente seguro?

Sim, o Pix é seguro, pois foi uma ferramenta de transferência desenvolvida pelo BC. Logo, o pagamento via Pix conta com 4 mecanismos de proteção como a autenticação do usuário, rastreabilidade de transações, tráfego seguro de informações e as regras de funcionamento do Pix, além do MED.

Posso fazer um seguro Pix em caso de fraudes? 

Posso fazer um seguro Pix em caso de fraudes?

Sim, existem diversos seguros Pix que oferecem a indenização ao usuário de qualquer valor perdido em casos de fraudes e roubos, por exemplo. O seguro pode ser feito com a sua instituição financeira, como o RecargaPay que firmou parceria com a 180 seguros e agora oferece mais proteção em transferências pelo app.

Em nota ao G1 Notícias, vítima de golpe do Pix que perdeu R$ 48 mil relata:

“Eu peguei esse código e tentei fazer transferência via Pix, mas não deu certo. Aí ela disse que era para colocar como se fosse TED. Me passou conta bancária, nome e CPF. Perguntei se seria transferido dinheiro para essas pessoas, e ela disse que era necessário para bloquear. E foi nisso que foi todo o meu dinheiro. O dinheiro de uma vida toda, que estava juntando para comprar um apartamento.”

Conclusão

Ao decorrer do texto informamos aos usuários se é possível contestar um Pix em casos de envio por engano, informando que não é possível. Entretanto, abordamos a solução de entrar em contato com o destinatário do Pix através da chave Pix e-mail ou número de telefone.

Recomendamos que os usuários do Pix fiquem atentos em casos de golpe do Pix. Logo, não baixem aplicativos de lojas não oficiais, nem compartilhem seus dados bancários e senhas com outras pessoas. 

Lembramos que instituições financeiras não entram em contato com os seus clientes solicitando que baixem aplicativos, cliquem em links, informem dados ou façam transferências. Por isso, se isso acontecer, entre em contato com a instituição pelo SAC oficial e informe o acontecido.

O Pix é seguro?

Posso contestar um Pix enviado por engano?

Não devolver Pix enviado por engano é crime?

O Mecanismo de Devolução Especial do Pix funciona?

Posso solicitar a contestação do Pix se eu me arrependi da compra?